12 9 9661-2111

GERENCIAMENTO INTEGRAL DE RESÍDUOS

Para garantir o tratamento correto dos materiais, a Bulbless implementa um gerenciamento de resíduos dividido nas seguintes etapas:

 

Identificação e classificação: o primeiro passo realizado por nossos profissionais é a identificação dos processos produtivos responsáveis pela geração dos resíduos. A partir desse processo, a Bulbless aponta os elementos que requerem melhorias, o que por sua vez pode diminuir o volume de materiais gerados.

 

Em seguida, é realizada a caracterização, um procedimento que analisa os aspectos físicos e químicos dos resíduos. Após esse processo, a classificação dos materiais é efetuada, assim sendo possível determinar se estão enquadrados como Classe I – Perigoso, Classe II – Não Perigoso, Classe II A – Não-inertes ou Classe II B – Inertes.

 

Acondicionamento temporário: nessa etapa, os resíduos são acondicionados em condições adequadas para preservar as suas características. Para isso, o procedimento é realizado por meio da colocação dos resíduos em recipientes resistentes e quimicamente adequados com o material. Em seguida, é preciso que sejam rotulados e tampados, sendo necessário constar informações como composição qualitativa, símbolos de risco, empresa responsável pelo resíduo, volume armazenado e data de armazenamento.

 

Segregação e movimentação interna: ao identificar as características dos resíduos, eles são segregados de acordo com suas propriedades. Isso significa separá-los de acordo com as classes I e II, sendo necessária uma movimentação interna para garantir que os materiais não sofram influência quando manuseados.

 

Coleta: em relação à coleta, nossa equipe utiliza os equipamentos de proteção individual de acordo com as características e nível de perigo apresentados pelos resíduos. Além disso, alocamos profissionais capacitados para realizar o processo, que por sua vez deve ser seguido pelo transporte.

 

Transporte: na etapa de transporte, por sua vez, são utilizados veículos próprios, juntamente com o auxílio de motoristas capacitados e devidamente habilitados pelo curso MOPP – Movimentação Operacional de Produtos Perigosos. Dessa forma, é possível evitar alterações nas características dos materiais durante o trajeto, além de também prevenir acidentes.

 

Tratamento e destinação final: por conta da segregação dos resíduos, o processo de tratamento é facilitado, cabendo a aplicação do método mais adequado para os materiais. Essas medidas podem ser o coprocessamento, manufatura reversa, encaminhamento para estações especializadas etc.

 

Melhoria contínua: A fim de manter o bom funcionamento de toda a cadeia de tratamento, a Bulbless está sempre se atualizando, seja em tecnologias, métodos ou cumprimento de novas normas. Desse modo, podemos garantir a qualidade do serviço, sempre atendendo cada cliente de maneira especializada e única.