12 9 9661-2111

ACONDICIONAMENTO TEMPORÁRIO

Antes da realização da destinação final, os resíduos devem ser acondicionados de modo temporário. Esse procedimento, apesar de parecer simples, requer cuidados para ser efetuado.

 

O primeiro passo é armazenar os materiais em recipientes adequados, o que significa fazer uso de itens resistentes e quimicamente apropriados. Esse último quesito é fundamental para que os materiais não vazem, o que poderia resultar em problemas no ambiente utilizado para o acondicionamento. Além disso, o uso do recipiente correto também ajuda a preservar as características dos resíduos.

 

Em seguida, ocorre a rotulação, uma etapa de grande ajuda para a destinação final. Nessa fase, é preciso que informações importantes fiquem a amostra. Entre os dados que devem estar contidos nos rótulos estão composição qualitativa, símbolos de risco, empresa responsável pelo resíduo, volume armazenado e data de armazenamento. Por meio desse procedimento, os processos de separação, transporte e destinação final podem ser realizados de modo mais ágil e rápido.